Categorias
Mais buscadas

Clareamento Dental: saiba tudo sobre esse procedimento!

Publicado em 19/02/2019

Hoje é dia de falarmos sobre clareamento dental, apesar de o nome já afirmar sobre o que é o tratamento, sempre tem detalhes e curiosidades para entender melhor como funciona. E é isso que vamos contar para você hoje! 

1 – Afinal, como funciona o clareamento dental?
2 – Atenção para o que fazer antes do tratamento
3 – Por que fazer clareamento dental?
6 – Por que não fazer clareamento dental?
5 – Cuidados após a realização do clareamento dental
6 – Quais os benefícios do clareamento dental?
7 – Clareamento dental tem efeitos colaterais?
8 – Quantas vezes fazer clareamento dental?
9 – Novidade sobre clareamento dental

 

E para concluir, ainda respondemos a três perguntas frequentes sobre esse tema.

  1. Os dentes ficam superbrancos?
  2. Clareamento dental deixa os dentes sensíveis?
  3. Clareamento dental enfraquece os dentes?

 

1 – Afinal, como funciona o clareamento dental?

Para fazer o tratamento são usadas algumas substâncias químicas que modificam a tonalidade do dente. A principal delas é o oxigênio, proveniente do peróxido de hidrogênio ou peróxido de carbamida.

Não precisa nem dizer que qualquer tratamento bucal precisa ser feito com profissionais especializados. E não é diferente com esse, então fuja dos “tutoriais de clareamento” espalhados pela internet!

 

2 – Atenção para o que fazer antes do tratamento

Alguns exames são necessários para garantir que o tratamento vai gerar apenas os benefícios esperados. Antes do procedimento é necessário fazer exames clínico e radiográfico para verificar se não há cáries e infiltrações que podem acarretar uma sensibilidade persistente no dente depois do clareamento.

Ninguém quer clarear os dentes e acabar com dor. Então fique atento no processo do dentista que você escolher.

 

3 – Por que fazer clareamento dental?

 

O clareamento dental só é feito para clarear os dentes, com fim unicamente estético, então essa vontade precisa partir de você e aí é só conversar com seu dentista sobre o assunto.

 

 

4 – Por que não fazer clareamento dental?

Já a lista de contraindicações é um pouco maior, mas para começar: se você tem uma expectativa além da realidade, não faça o procedimento para acabar se decepcionando. Olha só quem não pode fazer clareamento:

  • grávidas
  • menores de 15 anos

 

E pacientes que apresentem:

  • cáries
  • dentes sensíveis
  • problemas na gengiva
  • dentes não naturais
  • excesso ou restaurações insatisfatória
  • alergias às substâncias clareadoras

 

5 – Cuidados após a realização do clareamento dental

Não pense que depois do tratamento é só sair por aí desfilando seu sorriso, tem alguns cuidados que devem ser tomados.

Primeiro, não consumir sucos ácidos e refrigerantes porque se você for suscetível a ter sensibilidade, esses alimentos podem deixar seus dentes sensíveis, principalmente em paciente mais novos, ou com exposições radiculares (raízes aparentes).

Também evitar cigarros, que escurecem os dentes em qualquer situação. E não consumir alimentos coloridos apenas nas três primeiras horas após o clareamento, tais como: 

  • cenoura
  • beterraba
  • café
  • chá
  • vinho tinto

 

Fora isso, é muito importante ressaltar que após esse tratamento, a superfície dos dentes fica porosa, então o paciente deve voltar ao consultório para o dentista fazer um polimento no esmalte dos dentes.

 

6 – Quais os benefícios do clareamento dental?

Já que a indicação é puramente estética, o benefício do procedimento é justamente o bem-estar do paciente, a satisfação que ele terá com sua aparência e consequentemente um empurrãozinho na autoestima!

 

7 – Clareamento dental tem efeitos colaterais?

Agora vamos falar sobre uma parte que você precisa estar ciente para fazer o tratamento. Então, sim, existem dois possíveis efeitos colaterais, são eles:

  • sensibilidade dentária
  • irritação na gengiva

Esse último pode acontecer porque a moldeira não está bem adaptada ou porque foi usado gel demais.

 

8 – Quantas vezes fazer clareamento dental?

Durante o tratamento, os dentes vão alcançar o “pico de saturação”, quando os dentes já clarearam o máximo possível, uma escala que é diferente para cada pessoa. Tendo acontecido isso, o tratamento deve ser pausado por no mínimo seis meses. Depois desse tempo, se o paciente ainda quiser clarear mais, ou se achar que os dentes escureceram muito rápido, pode repetir o procedimento.

 

9 – Novidade sobre clareamento dental

Existe um tópico já bastante discutido no meio odontológico que é sobre o uso de luz no clareamento. Recentemente foi feita uma revisão sistemática, publicada pela revista A1, que conclui que é desnecessário o uso de luz no tratamento de clareamento dental feito em consultório, quando são usados produtos mais fortes. Além de desnecessário, pode chegar a ser perigoso.

O que faz o clareamento acontecer é o produto utilizado, que não precisa ser ativado pela luz. Além de não deixar o tratamento mais efetivo, o risco é devido a luz aumentar a temperatura interna do dente, o que pode acarretar a pulpite, que pode ser simplificada como sendo a “morte” do dente, sendo necessário o tratamento de canal por causa disso.

Você pode ver o artigo, em inglês, publicado na PubMed

 


Verdade ou mito?

Agora que você já sabe mais sobre o procedimento de clareamento dental, é importante que descubra se o que se ouve por aí é verdade ou mito, separamos três perguntas frequentes sobre o tema. Confira!

 

1 – Os dentes ficam superbrancos?

Mito. Antes de mais nada, é importante dizer que a cor do dente não é a mesma para todo mundo e isso não tem a ver com saúde bucal. Existe até uma escala com cores divididas em A, B, C e D usada como parâmetro, basicamente são: marrom, amarelo, cinza e cinza avermelhado.

Dentro de cada cor existem diferentes tonalidades e é isso que vai mudar: a tonalidade do dente, clareando entre 2 e 3 tons. Peça para o seu dentista mostrar essa escala para você e indicar a mudança que o procedimento vai trazer, assim você não cria expectativas fora da realidade.

Se você ficou desanimado em saber que a cor do seu dente não vai mudar, tem uma boa notícia: o tratamento vai sim gerar resultados visíveis, deixando seus dentes mais clarinhos e com um aspecto bonito.

 

2 – Clareamento dental deixa os dentes sensíveis?

Verdade. Mas calma, é uma sensibilidade passageira e o dentista consegue controlar isso através do tempo em que o produto fica em contato com os dentes.

Durante o procedimento é provável sentir algum incômodo e é nesse momento que o dentista vai saber se deve ou não encurtar o tempo de pausa. Logo após o procedimento, você também pode ter alguma sensação, algo como choque nos dentes.

Mas a boa notícia é que existem substâncias dessensibilizantes, que previnem esse efeito colateral, e podem ser usadas durante ou após o tratamento para maior conforto do paciente.

 

3 – Clareamento dental enfraquece os dentes?

Mito. O tópico anterior até pode acabar gerando essa dúvida, mas isso ocorre apenas em algumas situações. Caso o clareamento seja feito por um período muito longo, sem supervisão do dentista. Ou quando é feito internamente, em dentes escurecidos após tratamento de canal; isso acontece porque os dentes ficam desvitalizados por causa da remoção da polpa, o nervo do dente, que acaba deixando os dentes fragilizados devido a falta de nutrição. Então nesses casos, o clareamento deixa os dentes ainda mais fracos, podendo resultar em fraturas dentárias.

 

Dê um up no seu sorriso

Ficou com vontade de deixar seu sorriso ainda mais bonito? Lembre sempre de procurar por bons profissionais, que ofereçam um tratamento humanizado e se preocupem com seu bem-estar, deixando você confortável e confiante com qualquer tipo de tratamento. Se você ainda tem dúvidas, fale com a gente, temos horários flexíveis para melhor atender você. Ligue pelos telefones (13) 3466-2274 | (13) 3017-9292, mande uma mensagem pelo Whatsapp ou entre em contato através do site. Estamos esperando para atender você! 

 


Ane Bason Odontologia é uma clínica odontológica localizada em Santos, com mais de 20 anos de história. Possui equipe altamente especializada em: implante dentário, prótese dentária, ortodontia, endodontia, periodontia, odontopediatria, odontologia estética, clareamento dental e muito mais.

Siga nosso Instagram